04 novembro 2019

SmartSolos da Embrapa permitirá classificar solo no celular

Aplicativo gratuito foi anunciado em 2016 pela Embrapa Solos e está prestes a ser lançado

COMPARTILHE:

acer-environment-farm-6465

0

Um aplicativo para dispositivos móveis permitirá que produtores rurais classifiquem os solos de diferentes áreas de sua fazenda. Com isso, cada talhão da propriedade poderá receber destinação adequada de acordo com o tipo de solo.

Idealizado pela Embrapa Solos (RJ) em parceria com a Embrapa Informática Agropecuária (SP), o SmartSolos vai permitir que o produtor rural tenha a classificação do solo a partir dos dados que o produtor insere no sistema.

Após criar uma conta simples, o usuário faz, na primeira etapa, uma descrição geral de sua propriedade carregando dados e até fotos do solo e do perfil, por exemplo. Informações como data e localização geográfica são inseridas de maneira automática pelo sistema. No fim dessa fase, o produtor obterá uma classificação aproximada.

Na etapa mais detalhada, deverão ser inseridos dados obtidos com análises de laboratório como as características físicas e químicas do solo. Com todas essas informações, o SmartSolos classifica até o quarto nível do Sistema Brasileiro de Classificação de Solos (SiBCS).

Os pesquisadores Stanley Oliveira e Glauber Vaz, da Embrapa Informática Agropecuária, desenvolveram dois sistemas diferentes que atuam na tecnologia.

O primeiro, chamado de “especialista”, opera segundo as regras do SiBCS e classifica o solo conforme o usuário insere as informações necessárias. Já o sistema denominado “inteligente” utiliza algoritmos de inteligência artificial para predizer uma classificação, mesmo na ausência de algumas informações.

A expectativa dos pesquisadores é que o aplicativo não seja apenas um classificador de solos, mas um agregador que reúna em uma mesma plataforma vários aplicativos a serem desenvolvidos ou adaptados para dispositivos móveis.

O SmartSolos deverá ser capaz de adaptar a informação de solos não apenas às tecnologias atuais, mas também às tecnologias emergentes como impressão 3D, realidade virtual, novas interações com o Big Data e outros.

O foco do trabalho agora é na camada de apresentação do aplicativo, que está sendo desenvolvida em parceria com uma empresa terceirizada. “É a partir dessa camada que o usuário poderá interagir e utilizar todas as funcionalidades do aplicativo SmartSolos”, revela Luís de França, da Embrapa Solos.

Leia Mais:

Choque: agtech capta R$ 29 mi para eletrocutar ervas daninhas

Solução elimina defensivos químicos em aplicações manuais e está sendo adaptada para tratores

SAIBA MAIS

Sinal verde: aceleradora busca startups para inovação com cannabis

The Green Hub tem inscrições abertas para debate, convocatória e rodada de investimento sobre soluções disruptivas para o produto

SAIBA MAIS

Agtech brasileira é convidada ao Fórum Econômico Mundial

Mariana Vasconcelos, fundadora da Agrosmart, participa de dois painéis sobre sustentabilidade em Davos

SAIBA MAIS

Show Rural Digital terá hackathon e investidores anjo

Tradicional evento da Coopavel amplia área destinada à inovação, que contará com 150 expositores, Fórum e outras atrações

SAIBA MAIS