24 outubro 2019

O plano da Syngenta para enfrentar as mudanças climáticas

Empresa vai investir US$ 2 bilhões em soluções disruptivas para ajudar os produtores

COMPARTILHE:

li-an-lim-ycW4YxhrWHM-unsplash

0

A Syngenta anunciou que ao longo dos próximos anos investirá US$ 2 bilhões em pesquisas e na busca por soluções capazes de ajudar os produtores a enfrentar as mudanças climáticas. A estratégia da empresa prevê o lançamento de duas inovações disruptivas no mercado a cada ano. 

A medida faz parte do novo objetivo de sustentabilidade da Syngenta, cujo objetivo é reduzir a contribuição da agricultura para a mudança climática, aproveitar sua capacidade de mitigação e ajudar o sistema alimentar a permanecer dentro dos limites planetários. Os programas que serão contemplados oferecem soluções para a saúde do solo, o manejo integrado de pragas e o uso da terra, entre outros. Todos eles terão benefícios comprados por pesquisas.

O CEO da Syngenta, Erik Fyrwald, também anunciou que a empresa vai reduzir a intensidade de suas emissões de carbono em 50% até 2030, contribuindo para as metas estipuladas pelo Acordo de Paris sobre a mudança climática.

Por fim, a empresa anunciou o programa Reverte, feito em parceria com a The Nature Conservancy (TNC), maior organização de conservação ambiental do mundo, com o objetivo de auxiliar na expansão sustentável da agricultura no Cerrado e recuperar hectares degradados na região. A solução envolve práticas agronômicas, ferramentas financeiras e informações sobre o melhor uso de insumos e de maquinário para transformar pastagens improdutivas em campos de cultivo. A meta já nos primeiros cinco anos é de recuperar um milhão de hectares.

Leia Mais:

Monitoramento por satélite barateia crédito rural

TerraMagna usa IA e Big Data para mitigar riscos de financiamentos com acompanhamento das lavouras em tempo real

SAIBA MAIS

Deputado quer anular Comissão de Agricultura de Precisão e Digital

Motivo seria a ausência de representantes da “agricultura familiar” no órgão

SAIBA MAIS

IBM Food Trust avança como blockchain global para alimentos

Tecnologia reduz desperdício de comida e riscos da produção agrícola por meio de rastreabilidade “imutável”

SAIBA MAIS

AgroUp propõe inovações para soja e milho em Dourados

Design Sprint reuniu 45 participantes que trabalharam desafios como classificação, clima e gestão

SAIBA MAIS